“Evoluímos bastante”, diz Rui Palmeira sobre mobilidade urbana

Gestor fala sobre benefícios como Domingo é Meia e Integração Temporal

Implantado em junho de 2017, o Domingo é Meia, que garante ao usuário dos ônibus coletivos pagar apenas 50% do valor da passagem, vem beneficiando uma parcela da população que precisa se deslocar aos domingos. A ação é uma das iniciativas da Prefeitura de Maceió para melhorar o serviço no transporte público da capital.

Segundo o prefeito Rui Palmeira, o objetivo é garantir um serviço de qualidade para o cidadão. “Sabemos que o transporte público é um problema no Brasil todo, mas acredito que conseguimos evoluir bastante nos últimos anos, desde a licitação do transporte coletivo, a renovação da frota, a implantação da faixa azul e o Domingo é Meia, por exemplo, que melhoraram o atendimento na cidade”, disse.

Ainda, segundo o gestor, projetos como o Domingo é Meia ajudam a diminuir os gastos no orçamento dos usuários. “Muita gente utiliza esse benefício, tanto para o lazer como para o trabalho, e economiza, no mínimo, o valor de uma passagem. Em dezembro do ano passado, cinco meses após a implantação do projeto, o cartão Bem Legal foi usado 70 mil vezes nesse dia da semana, o que mostra que a iniciativa contribui para a rotina de quem utiliza o transporte público”, destacou.

No entanto, é necessário lembrar que, para usufruir do benefício, o usuário precisa ter o Cartão Bem Legal Cidadão, cuja primeira via é gratuita e pode ser adquirido nos postos da Transpal do Centro, do Tabuleiro do Martins, na Central Já! do Maceió Shopping e no terminal do Benedito Bentes. .

Integração temporal

Dentro dos benefícios que ajudam o usuário a gastar menos, está a integração temporal. Ela permite o pagamento de uma passagem pelo usuário que tome mais de um ônibus, no período de uma hora e meia, seguindo no mesmo sentido – ida ou volta. “Em relação ao sentido das linhas, o usuário deve ficar atento às combinações que estão disponíveis no site da Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (SMTT)”, alertou Palmeira.

Para ter acesso ao benefício da integração temporal também é necessário que o usuário tenha o Cartão Bem Legal Cidadão.

Ainda sobre os investimentos na mobilidade urbana de Maceió, Rui Palmeira destacou a implantação, em 2016, da Faixa Azul, que oferece maior celeridade ao transporte urbano. “A implantação da Faixa Azul nas Avenidas Durval de Góes Monteiro, Fernandes Lima, Comendador Leão e Dona Constança, além da sincronização dos semáforos pelas vias da cidade, foram alternativas que encontramos para reduzir o tempo de viagem dos transportes coletivos”, disse Rui Palmeira.

De acordo com a SMTT, cerca de 350 mil pessoas utilizam o transporte público diariamente. Na Faixa Azul, qualquer condutor pode utilizá-la durante os dias úteis da semana entre às 20h e às 6h, e também durante finais de semanas e feriados.

Fonte: Secom Maceió

TNH1 11/06/2018